É de extremo interesse de toda comunidade de surfistas da nossa região e que com certeza afetará as ondas em nossa praia seja ela para melhorar ou piorar as ondas, e por isso é preciso que TODOS participem. Convidem familiares, amigos, surfistas, simpatizantes e venham debater sobre o futuro da nossa cidade. Estamos de olho, moradores, surfistas e guarda-vidas, é a natureza e todas suas formas naturais sendo alteradas. Se for para o convívio melhor ou não, de interesses mutuo de interesses individuais, vamos questionar!
Foto panorâmica de Balneário Camboriú

A Prefeitura de Balneário Camboriú realiza Audiência Pública referente ao Relatório de Impacto do Meio Ambiente (RIMA), do projeto de Alimentação Artificial da Praia Central do município. A reunião acontece no Centro de Eventos Itália (Cine Itália), no dia 4 de setembro, às 19h e tem por objetivo que a proposta de ampliação da faixa de areia seja debatida com a comunidade e possa esclarecer dúvidas referente ao projeto, além dos estudos estarem totalmente à disposição para consulta.

De acordo com o secretário de Planejamento Urbano e Gestão Orçamentária, Auri Pavoni, o projeto visa licença para ampliação da faixa de areia da Praia Central de Balneário Camboriú. Posteriormente será realizada a reurbanização da Avenida Atlântica. As obras de alargamento são necessárias para melhorar o turismo, a vista que trará mais conforto aos banhistas e também prolongará o horário do banho de sol e da prática esportiva.

“Tenho certeza que a ampliação da faixa de areia trará muitos benefícios para Balneário Camboriú e atrairá ainda mais turistas. Sempre trabalhamos visando o conforto e qualidade de vida tanto dos moradores quanto visitantes. Esta é uma obra complexa que se iniciou em 2011 e é necessário um grande planejamento para ser executada”, enaltece o prefeito Edson Renato Dias, Piriquito. O Centro de Eventos Itália está localizado na Avenida Central, nº 335, no Centro de Balneário Camboriú.

O alargamento da Praia Central

O projeto iniciou em 2011, com a contratação da empresa Costal Consultoria Ambiental para realizar o estudo de prospecção e cubagem de jazida submarina de sedimentos arenosos, que serão utilizados para a alimentação artificial da praia. O estudo era necessário para que fosse identificada a compatibilidade com a granulometria da areia da praia, e assim identificar onde estava e qual o volume necessário para o engordamento da faixa de areia. Foi localizada a 13 km da costa, a jazida compatível para a realização da obra.

PARTICIPEM!

fonte: ASBC / site da prefeitura de Balneário Camboriu
Téo Mafra / Diário do Esportista

Comente no Facebook

Comentários